Ocorreu um erro neste gadget
clique e alimente os peixes

Páginas da internet, rolos de papiro e Idade Média

Páginas da internet, rolos de papiro e Idade Média



Não, William Blake não foi medieval.  No entanto, sendo vivo hoje, William Blake ouviria The Doors ou leria Aldous Huxley?  Certamente.  Leria com o critério e com o juízo daqueles moralistas que se prendem às regras do bom costume e da boa norma?  Com certeza não.  Blake tinha na veia o fervor religioso, embora fosse lúcido e "antenado" o bastante ( sabia de antemão que a beleza e o divino estão um para o outro como a mão e a luva) para saber que as regras e leis do divino não se coadunam com falsidade e moralismos.  E tinha consciência o bastante para verificar por si mesmo (e não de segunda mão) que os acordados tem um mundo em comum, enquanto os que dormem estão, cada um, em seus próprios mundos.
E daí?
Daí que nada do que se faz hoje em literatura e artes (e que a mídia promove com ardor) possui encanto e beleza bastantes para suplantar o que se fez nessas áreas na Idade Média, por exemplo, quando da invenção das Universidades, para citar um ponto crítico.  Não recorro a tais elucubrações históricas ou de historiografia para traçar uma viagem ou um retorno à "Idade das Trevas".  A beleza vista a partir da contemporaneidade não chega aos pés do que foi realizado noutras épocas. 
E não venham dizer que as novas invenções tecnológicas são o máximo em beleza por si mesmas.  A paixão futurista pela máquina não me apetece. Viver é de cada um.  Não me aprouvem viver na Idade Média, para quem gosta, que viva na Idade Média.  Só não venham dizer que não existiam pergaminhos e rolos de papiro na Idade Média.

Mauricio Duarte
ilustrador, artista visual e escritor

Site: http://sites.google.com/site/conspiracaodeconsciencia/home
Blog: http://blogs.abril.com.br/konspiro
Livros: http://www.bookess.com/read/1956-conspiracao-literaria-antologia-de-contos-neoistas/
http://www.bookess.com/read/7152-conspiracao-quadrinhografica-contos-de-inspiracao-neoista/
Galerias de artes visuais: http://www.arteatual.net/art-mauduarte.htm
http://www.paintingsilove.com/artist/mauricioduarteanuraghi

Um comentário:

Chrystian Marques disse...

Boa Cara, gostei do seu texto. Um enfoque onde é necssário chegar sobre a beleza, a arte. Porque achar que a temática tão pobre e sem estética é o caminho da arte contemporânea?

Chrystian

Fale conosco e tenha sua publicidade